MAP Linhas Aéreas não deve voar até julho e propõe programa de demissão voluntária

Segundo uma proposta de acordo com seus tripulantes, apresentada ao Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) e em votação, a MAP Linhas Aéreas, que é parte do grupo Voepass, prevê que não vai operar até o mês de junho. Com isso, a retomada das operações deveriam aconteceu em julho, mas a empresa dá sinais que espera diminuir de tamanho ao propor acordo de demissão voluntária.

Segundo publicação na página da internet do sindicato, a MAP Transportes Aéreos apresentou ao SNA uma proposta de Acordo Coletivo de Trabalho para seus tripulantes como medida emergencial, dada a crise causada pela pandemia de covid-19. Em contrapartida à proposta, a empresa garante a manutenção dos empregos durante a vigência do possível acordo, nos meses de abril, maio e junho de 2020.

Essa proposta de acordo deverá ser aprovada pelos tripulantes associados da companhia, no entanto seu teor dá algumas pistas sobre o período de “groundeamento” da frota da MAP, que deve seguir até o meio do ano. Uma data de retorno ainda não foi definida.

O que prevê a proposta

A proposta da MAP prevê que todos os tripulantes da empresa sejam colocados em licença não remunerada compulsória nos meses de abril, maio e junho, com recebimento de um abono (20% da remuneração fixa mensal). A exceção são os tripulantes que prestam serviço para continuidade do contrato existente com a Petrobras.

Aqueles que não quiserem a licença remunerada teriam a opção de aderir a um Programa de Demissão Voluntária.

Se o PDV for aprovado, a empresa deverá cumprir com os pagamentos das verbas rescisórias com parcelamento mensal, respeitado o valor de parcela mínima mensal correspondente ao salário base do colaborador, além de dar suporte para que eles recuperem seu FGTS e deem entrada no seguro-desemprego.

Informações do SNA

Fonte: AEROIN

Principais da Semana

GOL aprimora a experiência do Cliente no WhatsApp

Solução desenvolvida pela parceira Inbenta integra os canais de atendimento e possibilita que todo o processo de check-in seja feito no aplicativo, entre outras...

Grupo CCR arremata os Blocos Sul e Central na 6ª rodada de leilões de aeroportos da ANAC

Os dois Blocos reúnem 15 aeroportos que movimentaram 19,7 milhões de passageiros em 2019 O Grupo CCR venceu o leilão de licitação dos Blocos Sul...

Iberia, primeira companhia aérea a lançar o IATA Travel Pass entre a Europa e a América Latina

A Iberia colabora com a IATA (International Air Transport Association) no desenvolvimento do passaporte digital IATA Travel Pass e será a primeira companhia aérea...

Embraer apresenta protótipo de carro voador elétrico

Veículo de decolagem e pouso vertical da Embraer será destinado a passageiros. O protótipo de carro voador elétrico (eVTOL) é em tamanho reduzido A Embraer...

Leilão de 22 aeroportos da 6ª rodada gera R$ 3,3 bilhões em contribuição inicial

Propostas vencedoras dos três blocos correspondem a um ágio médio de 3.822,61% Os 22 aeroportos leiloados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) nesta quarta-feira...