Para sair da crise, Latam prevê redução da operação em 30% e demissão de cerca de 700 pilotos no Brasil

Em reunião com sindicato dos aeronautas, empresa diz que medida se ajustaria à previsão de demanda para 2022

A Latam prevê que sairá desta crise com uma operação um terço menor e poderá demitir pelo menos 700 pilotos no Brasil. Em reunião realizada na quarta-feira com o Sindicato Nacional dos Aeronautas, a empresa apresentou cenários de demanda e estimou que seria preciso encolher permanentemente o quadro de pilotos em 34% para ajustar à previsão de demanda para 2022.

No caso dos comissários, seria necessário um corte de 41% para adequar à realidade de demanda estimada para 2022, o que equivleria a 2.058 comissários a menos. Hoje são 4.965.

Hoje a companhia tem 2.043 pilotos, mas prevê que vai precisar de apenas 1.043 desses profissionais no início de 2022.

Para os próximos três meses, a previsão de demanda da companhia considera um excedente de 1.711 pilotos, ou 84% do quadro atual. Mas é muito pouco provável que os cortes cheguem a esse patamar. 

Os números constam de uma apresentação gravada feita pelo Sindicato para os seus associados.

Segundo o sindicato, as empresas aéreas devem manter algum excedente devido aos custos e ao tempo que se gasta para integrar um novo piloto, que pode chegar a até 4 meses, considerando todos os exames e treinamentos obrigatórios.

Nas próximas semanas, Latam e sindicato devem discutir qual será o excedente adequado que permita à companhia alguma flexibilidade para retomar rapidamente as atividades caso a demanda volte de forma mais acentuada do que o previsto.

Fonte: O Globo


Principais da Semana

87% menos chegadas de turistas em janeiro de 2021, enquanto a OMT pede maior coordenação para reativar o turismo

O impacto devastador da pandemia COVID-19 no turismo global continua em 2021, com dados mostrando uma queda de 87% no número de chegadas de...

Cingapura aceita resultados de teste no IATA Travel Pass

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA - International Air Transport Association) anunciou que Cingapura agora aceita resultados de testes de PCR de COVID-19...

Iberia, primeira companhia aérea a lançar o IATA Travel Pass entre a Europa e a América Latina

A Iberia colabora com a IATA (International Air Transport Association) no desenvolvimento do passaporte digital IATA Travel Pass e será a primeira companhia aérea...

Emirates SkyCargo é a primeira transportadora aérea de carga a entregar 50 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 em mais de 50...

Emirates SkyCargo transporta vacinas contra a Covid-19 Por ocasião do Dia Mundial da Saúde (7 de abril), a Emirates SkyCargo comemora o marco de ser...

Flapper, principal empresa de aviação executiva do país, levanta US﹩ 2 milhões para impulsionar expansão na América Latina

O roadmap inclui o lançamento de 4 novos escritórios e o desenvolvimento de novas soluções tecnológicas para o setor de mobilidade aérea A Flapper , principal empresa...