Avião Solidário: o programa da LATAM Airlines que voa em meio à pandemia

Mais de 400 profissionais de saúde e pessoas em tratamento médico foram transportadas por toda a América Latina, além de cinco voos especiais para transportar células-tronco

Em meio ao fechamento de fronteiras e às restrições adotadas pelos países provocados pela crise da COVID-19, transportar pacientes, profissionais de saúde, suprimentos médicos e remessas urgentes, como as de células-tronco e órgãos para transplantes, tem sido o grande desafio do programa Avião Solidário do Grupo LATAM Airlines.

Graças ao empenho e esforço das equipes em meio à pandemia, o Avião Solidário transportou mais de 400 profissionais de saúde para atender às necessidades causadas pela COVID-19. Possibilitou também a transferência de mais de 300 pessoas em tratamento médico para receber atendimento ou cirurgias de emergência em toda a região. Além disso, pela primeira vez em sua história, desembarcou na China para transportar suprimentos médicos, incluindo máscaras e respiradores.

Nove anos após o seu lançamento, o Avião Solidário tornou-se um transporte aéreo vital para atender às necessidades humanitárias e de saúde na América Latina. “O Avião Solidário está ativo durante todo o ano e hoje, mais do que nunca, voa para apoiar a região a enfrentar uma das piores crises de saúde do mundo. Até o momento, transportamos mais de 400 toneladas de suprimentos médicos, como máscaras faciais, testes rápidos de COVID-19, ventiladores mecânicos, medicamentos, entre outros, beneficiando o Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Peru e Argentina”, afirma a chefe da Sustentabilidade do Grupo LATAM Airlines, Francisca Arias.

Parte desses insumos vem da China. Mais de 60 horas de viagem e uma equipe de 30 pessoas, entre o planejamento e a execução, participam da preparação desses voos, o que representa um grande desafio para a companhia aérea, que até reconfigurou duas de suas aeronaves Boeing (787 e 777), as mais modernas da frota, removendo parte dos assentos da cabine para dar mais espaço à carga.

Transporte de células-tronco

Um evento inédito durante esse período foi o transporte de células-tronco por meio da LATAM Cargo. Como os aviões de carga não tiveram restrições de operações, a empresa utilizou esse recurso para atender aos pacientes com leucemia no Chile e na Argentina.

Três crianças e um adulto foram os receptores das células-tronco da Alemanha e do Brasil, que pela primeira vez viajaram aos cuidados dos pilotos dos aviões de carga durante o transporte. O Avião Solidário tem uma aliança com a Fundação DKMS, cuja missão é encontrar doadores compatíveis para aqueles que sofrem de leucemia, independentemente de onde estejam no mundo.

No final de 2019, o programa, presente em toda a região (Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador e Peru), transportou mais de 4.000 pacientes e equipes multidisciplinares, permitindo o embarque de mais de 800 órgãos e / ou tecidos e também a entrega de 87 toneladas de carga para necessidades de saúde e ajuda humanitária.

Fonte: Assessoria de Imprensa LATAM

Principais da Semana

GOL aprimora a experiência do Cliente no WhatsApp

Solução desenvolvida pela parceira Inbenta integra os canais de atendimento e possibilita que todo o processo de check-in seja feito no aplicativo, entre outras...

Leilão de 22 aeroportos da 6ª rodada gera R$ 3,3 bilhões em contribuição inicial

Propostas vencedoras dos três blocos correspondem a um ágio médio de 3.822,61% Os 22 aeroportos leiloados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) nesta quarta-feira...

‘O mercado colombiano está reagindo’: American Airlines

 A demanda vem crescendo a ponto de o passageiro sentir confiança para voar de volta Com a utilização de aeronaves wide-body para atender ao aumento...

Flapper, principal empresa de aviação executiva do país, levanta US﹩ 2 milhões para impulsionar expansão na América Latina

O roadmap inclui o lançamento de 4 novos escritórios e o desenvolvimento de novas soluções tecnológicas para o setor de mobilidade aérea A Flapper , principal empresa...

Iberia, primeira companhia aérea a lançar o IATA Travel Pass entre a Europa e a América Latina

A Iberia colabora com a IATA (International Air Transport Association) no desenvolvimento do passaporte digital IATA Travel Pass e será a primeira companhia aérea...