ABEAR integra iniciativa global de liderança em precificação de carbono do Banco Mundial

A GOL e a LATAM, empresas fundadoras da ABEAR, também integram o grupo

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) passou a integrar nessa terça-feira (14) a Coalizão de Liderança em Precificação de Carbono (CPLC, da sigla em inglês), iniciativa do Banco Mundial, que reúne líderes de governos, setor privado, academia e sociedade civil de diversos países para compartilhar experiências e aprimorar o entendimento global sobre precificação de carbono, além de expandir a base de evidências para sistemas e políticas mais eficazes sobre o assunto. A GOL e a LATAM, empresas fundadoras da ABEAR, também integram o grupo.

Liderada pelo ministro de Energia do Chile, Juan Carlos Jobet, e pelo presidente da SUEZ e presidente honorário da ENGIE, Gérard Mestrallet, a Coalizão é uma iniciativa voluntária de 34 governos nacionais e subnacionais, mais de 164 empresas de diferentes setores e regiões e mais de 85 parceiros da sociedade civil e instituições acadêmicas. A CPLC conta com um Comitê Diretor composto por 13 integrantes do setor público e privado, de diversos países, eleitos em Assembleia Geral. A diretora de Relações Institucionais da ABEAR, Marina Mattar, é a única brasileira eleita para integrar o Comitê.

“O Brasil tem um grande potencial para liderar as discussões sobre uma economia de baixo carbono no cenário global. Precisamos aproveitar o momento de saída da pandemia para construirmos uma nova agenda estratégia de recuperação econômica sustentável para o Brasil, que incluam políticas ambiental e climática, alinhadas a normas internacionais, e que incentive mão de obra qualificada, desenvolvimento de novas tecnologias e a criação de empregos nessa área para viabilizarmos investimentos externos que garantam o crescimento sustentável do Brasil”, diz a diretora de Relações Institucionais da ABEAR, Marina Mattar, integrante do Comitê Diretor da CPLC. “Nesse sentido, a inserção da ABEAR na CPLC é uma clara demonstração de que o setor aéreo brasileiro não apenas se importa com o assunto, como quer estar no ‘cockpit’ desse debate internacional”, conclui a diretora da Associação.

O intuito de longo prazo da CPLC é contribuir para a implementação de instrumentos de precificação de carbono em escala global e com ambição suficiente para ajudar a cumprir metas internacionais de redução de emissões. No caso da aviação, as metas estão estabelecidas pelo Esquema de Compensação e Redução de Carbono para a Aviação Internacional (CORSIA, da sigla em inglês), da Organização da Aviação Civil Internacional (OACI). “Teremos agora neste grupo a oportunidade de estudar as melhores práticas utilizadas em outros países, para que possam ser pensadas e discutidas no Brasil. A participação da ABEAR no CPLC é essencial para o desenvolvimento da aviação do futuro”, diz o consultor técnico da ABEAR, Rogério Benevides.

Fonte: ABEAR

Principais da Semana

Vacinas contra a covid-19 começam a ser distribuídas

Aeronaves partem de Guarulhos com 44 toneladas de imunizantes O Ministério da Saúde inicia, na manhã desta segunda-feira (18), a distribuição das vacina contra a covid-19 para...

Profissionais de transporte entram em grupo prioritário em campanha de vacinação contra a Covid-19

Considerados essenciais para o país, trabalhadores dos setores rodoviário, ferroviário, portuário, aquaviário e aéreo serão priorizados pelo Ministério da Saúde Considerados prestadores de serviços essenciais...

Descontos podem chegar a R$ 15 bilhões nas outorgas de aeroportos privatizados e devem ser estendidos a toda cadeia da indústria da aviação

 Crise gerou efeito dominó e prejudicou a todos. Segmento de ground handling defende que benefícios, se concedidos, também sejam estendidos a todos  As concessionárias dos...

Emirates é uma das primeiras companhias aéreas do mundo a testar o IATA Travel Pass, plataforma digital com informações atualizadas sobre teste e vacina...

No IATA Travel Pass, os passageiros da Emirates podem criar um "passaporte digital" e verificar se o seu destino exige teste ou vacina pré-viagem  A...

Com sucesso na malha de verão, Azul manterá rota Congonhas-Salvador em definitivo a partir de fevereiro

Com sucesso na malha de verão, Azul manterá rota Congonhas-Salvador em definitivo a partir de fevereiro A rota Congonhas - Salvador, que entrou na malha...