Azul, Gol e LATAM registram prejuízo de 9,7 bilhões no 1º trimestre do ano

Desvalorização do real frente ao dólar foi o principal motivo. Em 2019, empresas fecharam o ano com resultado líquido positivo

O transporte aéreo público, representado pelas três principais empresas brasileiras do setor (Azul, Gol e Latam), registrou prejuízo líquido total de R$ 9,7 bilhões no 1º trimestre de 2020, o equivalente a uma margem líquida negativa de 90,8%. Esse prejuízo, o maior desde o início da série histórica, em 2015, foi impactado principalmente pela desvalorização do real frente ao dólar. No ano de 2019, as empresas apuraram lucro líquido de R$ 1,2 bilhão, correspondente a uma margem líquida positiva de 2,8%, impulsionado pelos resultados positivos do 4º  trimestre de 2019, que registrou lucro líquido de R$ 1,8 bilhão para as três empresas.

Com relevante influência nos custos operacionais do transporte aéreo, o valor médio do litro de querosene de aviação – QAV e a taxa de câmbio mantiveram-se sob tendência de alta no primeiro trimestre de 2020, na comparação com igual período do ano anterior, subindo, respectivamente, 9% e 18,2%. Outro fator que gerou impacto no período, sobretudo no mês de março, foi a pandemia do novo coronavírus, que levou as empresas a ajustarem a malha aérea, conforme a queda na demanda de passageiros. No período, houve redução de 9,1% dos passageiros pagos transportados.

Em relação às despesas operacionais das três empresas (Azul, Gol e Latam), o 1º trimestre de 2020 foi marcado pela redução dos gastos em 41,8%, saindo de R$ 1 bilhão, no mesmo período de 2019, para R$ 638 milhões. Entre os motivos, destacam-se a contabilização do acordo feito entre Gol e Boeing e créditos de PIS e COFINS.

Resultados por empresa

No consolidado das três empresas (Azul, Gol e Latam), o resultado financeiro acumulado no 1º trimestre de 2020 apresentou redução de 1.331,3%, registrando prejuízo de R$ 8,8 bilhões, ante R$ 613,5 milhões em igual período de 2019. Destaca-se que Azul e Gol obtiveram o pior resultado financeiro desde 2015, com prejuízo de 5,9 bilhões e 2,8 bilhões respectivamente.

O resultado financeiro das três empresas foi impactado principalmente por perdas cambiais e monetárias devido à desvalorização do real frente ao dólar norte-americano, nos montantes de 5,2 bilhões para a Azul, 4,0 bilhões para a Gol e 4,5 bilhões para a Latam.

Em relação aos valores mantidos em caixa e equivalentes de caixa, a Azul encerrou o trimestre com R$ 472,7 milhões e a Gol manteve o montante de R$ 189,9 milhões. Já a Latam, manteve, ao final do trimestre, R$ 1,2 bilhões em caixa e equivalentes de caixa, o maior valor de toda a série histórica analisada.

Metodologia Demonstrações Contábeis

Em cumprimento à Resolução nº 342/2014, as empresas brasileiras de transporte aéreo público com participação de mercado relevante devem apresentar as suas demonstrações contábeis à ANAC. As demonstrações contábeis trimestrais devem ser apresentadas pelas empresas com participação igual ou superior a 1% em termos de passageiros quilômetros pagos transportados (RPK) doméstico ou internacional. Já as anuais devem ser apresentadas por aquelas com participação igual ou superior a 1% do RPK ou das toneladas quilômetros pagos transportados (RTK) no mercado doméstico ou internacional. 

As demonstrações contábeis correspondentes ao exercício encerrado em 2019 e as do 1º trimestre de 2020 estão disponíveis na seção Dados e Estatísticas, Mercado do Transporte Aéreo, do portal da ANAC na internet e também podem ser acessadas pelo link http://www.anac.gov.br/assuntos/dados-e-estatisticas/demonstracoes-contabeis/demonstracoes-contabeis-de-empresas-aereas-brasileiras.

Fonte: ANAC

Principais da Semana

Viracopos encerra 2020 com alta de passageiros pelo 8º mês seguido e projeta crescimento

A previsão é que o mês de janeiro apresente nova alta, podendo chegar próximo aos 800 mil passageiros O Aeroporto Internacional de Viracopos encerrou o ano...

Aeroporto de Maceió registra mais de 90% do fluxo contabilizado em 2019

A meta da Sedetur para o aeroporto de Maceió (AL) em dezembro de 2020, era de até 80% do volume de pessoas registrado no...

Viracopos recebe certificado internacional de segurança em saúde aeroportuária

O Airports Council International foi criado em 1991 e possui aeroportos associados em pelo menos 180 países. Viracopos faz parte do ACI desde o início da...

LATAM transporta 500 cilindros de oxigênio para Manaus para combate da Covid-19

Até o momento, a companhia realizou três voos, em conjunto com o Governo do Amazonas a pedido do Ministério da Saúde, que totalizaram 37,5...

Aéreas brasileiras transportaram gratuitamente 4,9 mil itens para transplante em 2020

Voos operados pela Força Aérea Brasileira (FAB), companhias aéreas estrangeiras, trajetos terrestres e serviço postal transportaram 2.279 itens As companhias aéreas brasileiras transportaram gratuitamente, em...