Air China suspende voos na rota São Paulo–Madri–Pequim até março de 2021

No futuro, a retomada das operações dependerá da prevenção e controle da Covid-19

Devido a atual crise do novo coronavírus, a Air China foi obrigada a suspender temporariamente suas operações entre São Paulo, Madri e Pequim no período de 25 de outubro de 2020 a 25 de março de 2021. No futuro, a retomada das operações dependerá da prevenção e controle da Covid-19.

A Air China pede que clientes contatem as agências para reembolso ou remarcação. Mais informações: jerry@airchina.com.br ou paula@airchina.com.br.

Fonte: Mercado e Eventos

Principais da Semana

Regulamento da aviação agrícola será modernizado até 2022

Medida foi anunciada pela Anac dentro da Agenda Regulatória da agência para 2021/2022 O Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola (Sindag) deve iniciar, nos...

ANAC divulga lista de empresas aéreas e de táxi-aéreo autorizadas a transportar oxigênio

Ação traz agilidade e amplia a contratação de aeronaves para o transporte de insumos médicos com segurança Para ampliar o transporte de insumos médicos no...

Com pandemia indicadores do setor aéreo reduzem 50% em 2020

Último semestre do ano marca retomada do setor O transporte aéreo apresentou retração de 29,5% na demanda de passageiros pagos transportados (RPK) e de 27,6%...

Profissionais de transporte entram em grupo prioritário em campanha de vacinação contra a Covid-19

Considerados essenciais para o país, trabalhadores dos setores rodoviário, ferroviário, portuário, aquaviário e aéreo serão priorizados pelo Ministério da Saúde Considerados prestadores de serviços essenciais...

Emirates é uma das primeiras companhias aéreas do mundo a testar o IATA Travel Pass, plataforma digital com informações atualizadas sobre teste e vacina...

No IATA Travel Pass, os passageiros da Emirates podem criar um "passaporte digital" e verificar se o seu destino exige teste ou vacina pré-viagem  A...