OMT e IATA assinam acordo para restaurar confiança no transporte aéreo internacional

Desde o início da crise atual, a OMC tem liderado o caminho, abordando os fatores-chave necessários para que o turismo seja reativado com sucesso.

Às vésperas da cúpula do G20, que reúne as maiores economias do mundo e inclui um segmento especificamente dedicado ao turismo, a Organização Mundial do Turismo (OMT) assinou um memorando de entendimento com a International Air Transport Association (IATA) que contribuirá com o trabalho de ambas as entidades para relançar o turismo mundial. Sublinhando a posição única da OMT como uma ponte entre o sistema das Nações Unidas e o setor privado, o novo acordo se concentrará em aumentar a confiança do consumidor em viagens e tornar a sustentabilidade o eixo da recuperação e do crescimento futuro.

Desde o início da crise atual, a OMC tem liderado o caminho, abordando os fatores-chave necessários para que o turismo seja reativado com sucesso. Este acordo com a associação global da indústria de aviação civil baseia-se nesta base e aprofunda a colaboração existente entre as duas organizações para avançar com a restauração da confiança dos viajantes.

O Secretário-Geral da OMT, Zurab Pololikashvili, disse: “As viagens aéreas são um componente essencial do turismo global. Essa aliança entre a OMT e a IATA nos permitirá trabalhar em conjunto para aumentar a confiança nas viagens aéreas e no turismo em geral. A OMT irá alavancar sua experiência em inovação e seu status como um conector para líderes nos setores público e privado para ajudar o transporte aéreo a voltar aos negócios normais. “

Colaboração mais próxima e focada

Além de focar em aumentar e manter a confiança nas viagens internacionais, o novo acordo também ajudará a OMT e a IATA a trabalhar mais estreitamente para fomentar a inovação e promover uma maior colaboração público-privada. À medida que o turismo revive, este memorando de entendimento ajudará a garantir que a recuperação seja sustentável e inclusiva.

Alexandre de Juniac, Diretor Geral da IATA, afirma: “É essencial que as fronteiras internacionais sejam abertas com segurança ao turismo. Os turistas desejam se sentir seguros e ter a certeza de que seus planos de viagem não serão afetados por mudanças de última hora nas regras e regulamentos. Para que isso seja possível, é necessária uma cooperação ainda maior entre os setores público e privado. Esta parceria intensificada com a Organização Mundial do Turismo ajudará a orientar a recuperação da aviação durante os meses críticos que virão. “

A IATA é membro afiliado da OMC desde 1978 e conseguiu dar uma voz clara ao setor de transporte aéreo internacional. A IATA também é um membro ativo do Conselho de Diretores dos Membros Afiliados e contribuiu para o desenvolvimento das Diretrizes Globais da OMT para Reiniciar o Turismo, lançadas em maio para ajudar a orientar os governos e o setor privado em suas respostas. para a pandemia COVID-19. Essa colaboração se refletiu na publicação final. Foi incluído um conjunto de recomendações específicas para o setor das companhias aéreas, com foco na introdução de melhores protocolos de higiene para garantir a segurança dos passageiros e funcionários das companhias aéreas. As Diretrizes Globais também enfatizaram a necessidade de fortalecer as parcerias e a coordenação em todos os níveis da indústria aérea.

OMT lidera um setor unido

Esta última aliança surge no momento em que a OMT continua a liderar o setor de turismo global em sua resposta aos desafios colocados pela pandemia. Além de cooperar estreitamente com o setor privado e associações e empresas da indústria, a OMT também assinou recentemente um acordo com a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) que permitirá que ambas as agências das Nações Unidas trabalhem Juntos para aproveitar o poder do turismo com vistas a promover o desenvolvimento socioeconômico sustentável das comunidades rurais.

Fonte: Aerolatim News

Principais da Semana

Cingapura aceita resultados de teste no IATA Travel Pass

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA - International Air Transport Association) anunciou que Cingapura agora aceita resultados de testes de PCR de COVID-19...

Leilão de 22 aeroportos da 6ª rodada gera R$ 3,3 bilhões em contribuição inicial

Propostas vencedoras dos três blocos correspondem a um ágio médio de 3.822,61% Os 22 aeroportos leiloados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) nesta quarta-feira...

Avião Solidário da LATAM supera 20 milhões de vacinas contra a Covid-19 transportadas gratuitamente no Brasil

Marca será obtida entre hoje (8/4) e amanhã (9/4) com os novos embarques voluntários da LATAM Cargo para 15 estados brasileiros O programa Avião Solidário, da...

Grupo CCR arremata os Blocos Sul e Central na 6ª rodada de leilões de aeroportos da ANAC

Os dois Blocos reúnem 15 aeroportos que movimentaram 19,7 milhões de passageiros em 2019 O Grupo CCR venceu o leilão de licitação dos Blocos Sul...

Em entrevista ao Infra em Pauta, ministro da Infraestrutura fala das perspectivas para o setor

Na edição especial do programa Infra em Pauta, exibido hoje (05/04), o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, também explicou sobre a “Infra...