#AirTalks com Tiago Senna | O CEO da Itapemirim Transportes Aéreos fala dos planos para o setor

Esta edição do Air Talks traz entrevista exclusiva com Tiago Senna, CEO da Itapemirim Transportes Aéreos, novo negócio do Grupo Itapemirim. A nova empresa do setor deve realizar o primeiro voo em março de 2021

Paula Faria, CEO da Necta e idealizadora do AirConnected, juntamente com Ricardo Fenelon, correalizador da plataforma e sócio-fundador do Fenelon Advogados, conduzem o Air Talks, iniciativa que contempla entrevistas exclusivas com especialistas no setor de transporte aéreo, considerando o contexto do AirConnected DX 2020, evento que acontece nos dias 24 e 25 de novembro.

Nesta edição do Air Talks, Paula e Fenelon conversaram com  Tiago Senna, CEO da Itapemirim Transportes Aéreos, novo negócio do Grupo Itapemirim. O executivo falou da presença no setor de transporte aéreo, no contexto do Grupo, que tem atuação no transporte rodoviário, ferroviário, reunindo empresas brasileiras no segmento de transportes, infraestrutura e investimentos.

O Air Talks faz parte das ações  pré-evento do AirConnected, que são voltadas ao fomento de temas relacionados ao setor de transporte aéreo, com contribuição fundamental para a retomada do segmento no contexto da Covid-19.  O AirConnected DX 20 conta com o envolvimento dos vários atores que compõem esse ecossistema.

DESTAQUES DA ENTREVISTA

1. Tiago Senna enfatizou a atuação do Grupo Itapemirim no mercado, relacionando com a nova atuação no setor de transporte aéreo, além de detalhar como vem sendo desenhado todo o processo para o início da operação da Itapemirim Transportes Aéreos.

2. Outro ponto abordado na entrevista foi sobre o atual  cenário desafiador em que a nova empresa é lançada para o setor no contexto mundial, com novas demandas em função da Covid-19, destacando as estratégias para o início das operações.

3. O CEO da Itapemirim Transportes Aéreos falou ainda sobre onde será a base da empresa e como tem sido pensada essa atuação, considerando as demais companhias aéreas e as necessidades do mercado nacional, além do tamanho da da frota. 

4. O executivo falou também sobre a  expectativa para o início das operações, geração de empregos diretos e indiretos, além das regiões e nichos que a companhia atenderá. O que o mercado e os consumidores podem esperar da Itapemirim Transportes Aéreos e as inovações que a empresa irá incorporar ao mercado também foi tema da pauta.

Principais da Semana

Com sucesso na malha de verão, Azul manterá rota Congonhas-Salvador em definitivo a partir de fevereiro

Com sucesso na malha de verão, Azul manterá rota Congonhas-Salvador em definitivo a partir de fevereiro A rota Congonhas - Salvador, que entrou na malha...

Copa Airlines anuncia reinício de seus voos na Venezuela

A Copa Airlines informa que, a partir de sábado, 23 de janeiro de 2021, retomará as operações aéreas entre o Panamá e a Venezuela,...

Guarulhos recebe 20 milhões de passageiros em 2020; menor número em 13 anos

Guarulhos, que em 2018 e 2019 bateu recorde no número de passageiros, caminhava para quebrar novamente a marca em 2020 O Aeroporto de Guarulhos registrou...

Azul transporta, em 14 horas, mais de dois milhões de doses de vacina para 12 capitais do Brasil

Companhia aérea foi responsável por levar 927 caixas com doses do imunizante Coronavac/Butantan para todas as regiões do país Em uma operação logística tão complexa quanto esperada,...

Com pandemia indicadores do setor aéreo reduzem 50% em 2020

Último semestre do ano marca retomada do setor O transporte aéreo apresentou retração de 29,5% na demanda de passageiros pagos transportados (RPK) e de 27,6%...