Azul, em parceria com Ministério da Cidadania, transportará 7.500 atletas para os Jogos Escolares Brasileiros de 2021

Jovens de todas as Unidades Federativas do país desembarcam no Rio de Janeiro em outubro do ano que vem em voos regulares da companhia  

Em acordo firmado nesta terça em Brasília, a Azul, maior companhia aérea do país em número de voos diários e destinos atendidos, se comprometeu a transportar 7.500 atletas de escolas de todo o Brasil para os Jogos Escolares Brasileiros (JEBs). A competição, a ser disputada no Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro, entre 29 de outubro e 5 de novembro de 2021, é promovida pela Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania e pela Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE).

Com a parceria selada entre o Governo Federal, Órgãos ligados ao Esporte e a empresa aérea, jovens entre 12 a 14 anos de todas as 27 Unidades Federativas do país embarcarão gratuitamente em voos regulares da Azul para a capital fluminense.

“Os JEBs são uma oportunidade de trazer o jovem de volta para as escolhas certas. O esporte representa bem isso para a juventude e a Azul é a empresa que mais conecta o Brasil. A gente vai poder levar todos esses estudantes para o Rio de Janeiro, numa parceria fundamental para viabilizar um projeto esportivo e social”, destaca Fábio Campos, diretor de relações institucionais da Azul.

“Eu sempre disse, desde que cheguei à secretaria, que tinha como objetivo inverter a pirâmide do esporte. O esporte educacional e os JEBS são o caminho, e a Azul tem a oportunidade de participar desse processo, ajudando na formação de atletas que mais tarde vão disputar Jogos Olímpicos”, analisa Marcelo Magalhães, secretário especial do Esporte.

Também participaram do encontro de terça-feira no Ministério da Cidadania o diretor do Departamento de Incentivo e Fomento ao Esporte (DIFE), Leonardo Castro, responsável pela Lei de Incentivo ao Esporte, e o vice-presidente da CBDE, Robson Aguiar.

Os Jogos 

Durante a reunião, o secretário especial adjunto do Esporte, André Alves, fez uma apresentação geral sobre a estrutura dos Jogos Escolares, que voltarão a ser disputados após um hiato de 17 anos. A competição reunirá no Rio de Janeiro 27 delegações, com 298 pessoas cada uma, distribuirá 90 mil refeições e terá 180 horas de transmissão por streaming e pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

Nove das 17 modalidades em disputa nos JEBs estão confirmadas como seletivas para os Jogos Sul-Americanos Escolares, previstos para dezembro de 2021, em Brasília: atletismo, basquete, futsal, handebol, judô, vôlei, natação, tênis de mesa e xadrez.

Fonte: Assessoria de Imprensa Azul

Principais da Semana