Outras seis companhias aéreas adotam o IATA Travel Pass

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA – International Air Transport Association) anunciou que as companhias aéreas Etihad Airways, Jazeera Airways, Jetstar, Qantas, Qatar Airways e Royal Jordanian vão começar a usar o IATA Travel Pass em uma implementação por fase em suas malhas aéreas. Essas cinco companhias aéreas se juntam à Emirates Airline como pioneiras no uso do IATA Travel Pass.

O anúncio, feito paralelamente à 77ª Assembleia Geral Anual da IATA realizada em Boston, foi feito após onze meses de testes extensivos por 76 companhias aéreas.

“Após meses de testes, o IATA Travel Pass está entrando na fase operacional. O aplicativo comprovou que é uma ferramenta eficaz para gerenciar a complexidade das credenciais de saúde para viagens exigidas pelos governos. Além disso, é um grande voto de confiança ter algumas das companhias aéreas mais conhecidas do mundo disponibilizando o ITP aos seus clientes nos próximos meses”, disse Willie Walsh, diretor geral da IATA.

Com o aplicativo, os viajantes podem verificar os requisitos de sua viagem, receber os resultados dos testes, digitalizar seus certificados de vacinas, verificar se esses documentos atendem aos requisitos de seu destino e locais de conexões e compartilhar facilmente suas credenciais com as autoridades de saúde e companhias aéreas antes do embarque, tudo isso com segurança e rapidez. Isso evitará filas e congestionamentos na verificação de documentos, beneficiando os viajantes, as companhias aéreas, os aeroportos e governos.

O IATA Travel Pass é um aplicativo móvel que pode receber e verificar uma variedade de resultados de testes de COVID-19 e certificados digitais de vacinas. Atualmente, os certificados de vacinas de 52 países (que representam a origem de 56% das viagens aéreas globais) podem ser gerenciados usando o aplicativo. Até o final de novembro, esse número aumentará para 74 países, representando 85% do tráfego global.

Espera-se que o IATA Travel Pass desempenhe um papel fundamental na recuperação do setor da aviação após a crise da COVID-19. A solução digitalizada para gerenciar os documentos e credenciais de saúde da COVID-19 será essencial no retorno às viagens quando as fronteiras forem reabertas. Com muitos governos contando com as companhias aéreas para a verificação de documentos da COVID-19, essa solução será fundamental para evitar filas e congestionamentos no check-in à medida que as viagens aumentarem.

Principais da Semana